As Eleiçôes Vem Aí...As Águas Vão Rolar...
  
Escrito por: Mauricio 13-05-2012 Visto: 666 vezes



 

Segundo o dicionário Houaiss, delta seria - além da 4ª letra do alfabeto grego - “acúmulo de terra, de forma triangular, junto à foz dos rios”, enquanto cachoeira teria como definição “torrente de água que corre ou cai formando um borbotão”, ou seja, ambas as palavras referem-se à água, sendo que delta é terra junto à água e cachoeira água que corre ou cai. Mas, no vocabulário político-policial dos dias de hoje, há mais semelhanças que as puramente etimológicas.

O parágrafo acima começa este texto de forma menos perturbadora do que as duas palavras representam, realmente, hoje. Isto ocorre porque ando estarrecido com as denúncias em relação a uma organização criminosa, cuja chefia seria de um contraventor e explorador de jogos de azar de apelido Carlinhos Cachoeira, com tentáculos entre parlamentares, governadores de importantes Estados do Brasil e outros agentes públicos...

Mas o pior ainda apareceu na internet e em páginas de grandes jornais: as imagens de um Governador, Secretários de Estado e muitas outras pessoas poderosas, em galhofas em Paris... Será que estão rindo dos contribuintes? A conta gasta eu não entendi, nem o valor das diárias e o motivo da ida a uma cidade como Paris para festejar algo, quando este Estado está um caos financeiro completo!

O salário do Governador do Rio de Janeiro teve um reajuste menor que os dos seus secretários, sabe-se lá o porquê, conforme pode ser visto na notícia extraída do site http://www.adepolrj.com.br/adepol/noticia_online_dinamica.asp?id=417, em 13 de maio de 2012.

“(...) A Assembleia Legislativa do Rio (Alerj) aprovou, em 15 de dezembro passado, em discussão única, o Projeto de Lei 1.123/11, que fixa os subsídios mensais do governador, de seu vice e dos secretários de estado para o ano de 2012. De acordo com o texto, o chefe do Poder Executivo passa a receber R$ 18,3 mil. Já os secretários e o vice-governador tiveram seus salários reajustados de R$ 12,9 mil para R$ 16,4 mil... (...)”

Será que o Exmo. Governador, no fim do mês, quando tenta pagar as suas contas com o seu salário atual, fica devedor no cartão de crédito ou no cheque especial? Ainda bem que a Presidente Dilma está na batalha pelos juros menores!

A pior cena, verdadeiramente dantesca, é uma dança em que autoridades estão com guardanapos na cabeça... O Secretário de Saúde está em Paris, dançando, enquanto, o Estado do Rio de Janeiro tem uma saúde caótica.

Por outro lado, enquanto vemos naufragar o projeto da Unidade Pacificadora da Polícia (UPP), eis que o aumento de roubo a veículos e residências teve crescimento de forma alarmante, conforme notícia registrada em http://g1.globo.com/rio-de-janeiro/noticia/2012/03/rj-registra-aumento-de-roubos-de-veiculos-e-residencias-diz-isp.html

“30/03/2012 18h42 - Atualizado em 30/03/2012 18h43

RJ registra aumento de roubos de veículos e a residências, diz ISP

Estatística soma os meses de dezembro de 2011, e janeiro e fevereiro de 2012.
Roubo de veículos subiu 14,5% e assaltos a residência aumentou 28,4%.


Do G1 RJ

O número de roubo de veículos e de residências aumentou no estado do Rio de Janeiro . De acordo com os dados divulgados pelo Instituto de Segurança Pública (ISP) nesta sexta-feira (30), os registros de roubos de veículos subiu 14,5% e os ataques à residência cresceram 28,4%.”

Não escapou até o furto do apartamento do vice-governador, que se encontrava de férias na Itália, conforme notícia da mídia.

Pezão é vítima de furto em sua residência na Zona Sul do Rio

Leia mais: http://extra.globo.com/noticias/rio/pezao-vitima-de-furto-em-sua-residencia-na-zona-sul-do-rio-4774758.html#ixzz1ul0U6pbw

Por fim, vários amigos estão sendo roubados nas ruas...

Então, diante deste quadro gravíssimo, de perda de controle e de autoridade, os cidadãos esperam, ansiosamente, as eleiçôes de Prefeito e Vereadores do Município do Rio de Janeiro e, daqui a dois anos, a eleição de Governador.

Tenho esperança na chegada de um vento de mudanças, mas para melhor, porque, como está, só o impeachment parece ser a solução!

*Mauricio Miranda.

**Imagem extraída do Google.

 

FACEBOOK