Drogas: Proibir ou Liberar
  
Escrito por: Mauricio 04-02-2012 Visto: 912 vezes

Por que álcool e tabaco são drogas permitidas e maconha e cocaína, dentre outras, são drogas proibidas? Não existe uma resposta lógica, só uma constante interrogação, em todas as mentes de quem pensam nesta contradição.
Vamos, então, a outra pergunta: qual o motivo de ser permitido o consumo de álcool, quando qualquer médico sabe que seu uso, seja diário ou não, provoca problemas no fígado, pâncreas, cérebro, e em outros órgãos do corpo humano?
E que tal esta indagação: qual a razão de não ser proibida a venda de cigarros feitos de tabaco, considerando que o próprio Ministério da Saúde informa que fumar faz mal à saúde?
Por que, então, é proibido consumir ou portar consigo ou vender maconha, cocaína, “crack” e outras drogas? Qual a grande diferença entre estas drogas e o álcool e o tabaco?
A meu ver, não há qualquer diferença entre estas drogas, apenas a sociedade de consumo e o governo permitem a venda de algumas drogas e proíbem outras por motivos que não entendo – e, também, não sei se quero entender!
Por fim, deixo com vocês um último questionamento: por que não proibir, logo, todas as drogas que fazem mal, ou então, - como é o pensamento de algumas pessoas que eu penso serem alucinadas -, liberar logo tudo?

FACEBOOK